Categories Menu

Posted by on abr 16, 2016 in Receitas | 0 comments

Molho de tomate caseiro com Toscana

Minha vó italiana sempre fez seu molho de tomate em casa (e talvez esse seja o segredo para as receitas dela ficarem tão superiores às minhas). Além de muito mais saboroso, o molho de tomate caseiro tem a vantagem de não ter conservantes e você pode fazer uma boa quantidade e deixar ele congelado por até seis meses, utilizando conforme o necessário.

Particularmente, eu nunca tinha feito por achar que seria muito trabalhoso. Mas é bastante simples! Claro que não é tão prático como abrir uma embalagem de molho de tomate industrializado, mas para ser mais saudável, vale o trabalho. Além disso, essa versão do molho de tomate caseiro com Toscana é uma delícia!

molho de tomate com toscana

Ingredientes:
3 tomates italianos
200ml de água filtrada
Sal, cebola e alho à gosto
1 pitada de açúcar
Manjericão
Toscana

Para começar, é preciso descascar os tomates. Para isso você tem duas opções: você pode ferver água, colocar os tomates dentro da água fervida por um minuto e então tirá-los com uma escumadeira e dar um choque térmico mergulhando em uma tigela cheia de água com gelo. Ou você pode simplesmente colocá-los direto na chama do fogão. De qualquer jeito, a casca vai se quebrar e aí é só puxar.

Em seguida, corte grosseiramente os tomates descascados e bata no liquidificador com a água até ficar homogêneo. Aqueça um fio de azeite em uma panela, adicione o manjericão e mexa por um ou dois minutos. Adicione a mistura líquida, o Toscana, o açúcar, sal, cebola e alho e deixe ferver em fogo baixo.

Quando já estiver fervendo por 10 minutos, cheque se a consistência está como você gosta. Eu deixei por uns 20 minutos, assim ficou um molho de tomate bem vermelhinho e consistente. Prove e acerte o tempero, se necessário, e está pronto para servir ou fazer parte da sua próxima receita!

FacebookEmailPrintCompartilhar
Read More

Posted by on mar 24, 2016 in Receitas | 0 comments

Lasanha de frigideira com Provence

O que dizer de uma receita de lasanha deliciosa, com sabor de casa de vó, que leva meros dez minutos para ficar pronta? A lasanha de frigideira é assim, um amor sem palavras. Essa eu fiz com queijo, cream cheese e Provence, mas dá para adaptar e utilizar o recheio que você preferir.

lasanha de frigideira

Ingredientes:
340g de molho de tomate encorpado
Massa fresca para lasanha (das que vai direto para o forno)
300g de queijo fatiado
200g de cream cheese ou requeijão
100ml de água
Provence à gosto

Primeiro você prepara o recheio. Eu testei com queijo puro e com um molho bolonhesa, as duas opções ficaram uma delícia. Em seguida, em uma frigideira com no mínimo uma polegada de profundidade, você vai espalhar um pouco de azeite no fundo para evitar que a lasanha queime.

Aí é só misturar o molho de tomate (eu compro o mais encorpado, desses que tem uns pedacinhos de tomate, mas o caseiro também fica ótimo) e a água. Caso você vá utilizar um molho de tomate mais líquido, é melhor aumentar para 1 pacote e 1/2. Pegue cerca de 1/3 do molho e coloque no fundo da frigideira. Em cima, vai uma folha de massa para lasanha de modo que cubra todo o fundo da frigideira, inclusive os cantos. Isso é importante para que o queijo não vaze e queime todinho.

Distribua as camadas na seguinte ordem: folha de massa, molho de tomate, colheradas de cream cheese, queijo. Repita até chegar a mais ou menos meio centímetro da borda da frigideira e finalize com uma camada de queijo e Provence – esse espacinho serve para o molho borbulhar sem transbordar.

Por fim, é só deixar por cinco minutos em fogo baixo e servir. Barbada de fácil, hein?

Read More

Posted by on jan 22, 2016 in Receitas | 0 comments

Omelete muffins com Toscana

Sempre fácil e versátil, o omelete é figurinha repetida no QG da Ginger. Variando os ingredientes e o tempero, conseguimos criar uma refeição leve e completa com sabores diferentes a cada tentativa. Quando testamos essa receita de omelete muffins, o Toscana foi o blend escolhido para dar um toque apimentado sem igual.

Além de prático e saboroso, esse omelete ganhou uma apresentação toda especial quando o assamos em uma forma de muffins. Olha que coisa mais linda!

omelete muffin

Ingredientes:
1 cebola média
1 colher de chá de alho picado
1 tomate
4 ovos
1/4 de xícara de leite
1/2 colher de chá de óleo
1/2 colher de chá de fermento químico
200g de queijo ralado da sua preferência
Toscana à gosto

Comece fazendo o recheio: pique bem a cebola e o tomate em cubos pequenos, refogue a cebola até dourar e adicione o tomate, deixando aquecer por uns minutinhos. Tempere com o Toscana (eu adicionei um pouquinho de Curry e shoyu para dar uma corzinha) e reserve.

Aqueça o forno a 190ºC e unte a forma de muffins com manteiga. Se preferir, use farinha de rosca para formar uma casquinha crocante na parte de baixo do omelete. 

Em uma tigela, bata bem os ovos, até ficar bem homogêneo. Adicione o leite, o óleo, o fermento e misture bem. Para montar, é só colocar cerca de uma colher de sopa do recheio, cobrir com o queijo ralado e despejar a mistura dos ovos. Cuide para não encher completamente cada espacinho da forma, ou o omelete pode vazar. Asse por cerca de 15 a 20 minutos e deixe esfriar por alguns minutos antes de servir.

omelete muffins

Esse omelete sobrevive bem à geladeira e pode ser reaquecido durante a semana! Para isso, mantenha bem conservado em um pote com tampa e aqueça por alguns segundos no microondas quando quiser. Por aqui, não sobrou omelete para contar história…

 

Read More

Posted by on dez 18, 2015 in Receitas | 3 comments

Bruschettas da Ginger

Se tem uma receita democrática nesse mundo, certamente é a de bruschettas. Além de agradar do paladar mais fácil ao mais exigente, é simples de fazer, pede apenas por ingredientes que você provavelmente já tem na sua geladeira, fica super saborosa e é prática para servir em festas como finger food.

Para acertar no cardápio da sua festa de Natal ou Ano Novo, reproduza a sugestão de bruschettas da Ginger: levinhas, gostosas e bem temperadas com seu blend favorito! Aqui no QG a gente optou por fazer com Provence (muito Provence!), mas o Sicília e o Toscana também são ótimas opções.

bruschettas da ginger

Ingredientes:
para cerca de 4 pãezinhos,
1 colher de chá de alho picado
azeite de oliva (pode ser a versão apimentada, se você preferir)
2 tomates italianos
seu blend Ginger favorito
creme de ricota ou cream cheese

Primeiro, corte os pãezinhos em fatias de cerca de uma polegada de grossura, regue-os com azeite à vontade, salpique o blend e espalhe o alho picado pelas fatias. Coloque a assar por no mínimo cinco minutos a 180ºC (se você já conhece o seu forno e sabe que ele não aquece bem, deixe no máximo dez minutos).

Enquanto isso, corte os tomates em cubos pequenos. Quanto menor a fatia de pão, menores os cubinhos, então, se você quiser evitar trabalho, compre pães maiores.

Em seguida, tire as fatias do forno, mantendo-o aceso, e cubra-as com creme de ricota e com cubinhos de tomate. Acerte o sal, salpique mais um pouquinho do blend por cima das bruschettas e retorne ao forno por mais cinco minutos.

O sabor marcante do blend, combinado com o pão crocante e o creme de ricota, certamente fará sucesso com os seus convidados!

Read More

Posted by on nov 10, 2015 in Espaço do cliente, Fit | 0 comments

Tomate recheado com ricota da Luciana

A nossa cliente Luciana Pimentel nos enviou esta receita rápida de se fazer – e o melhor: light! Pode comer sem culpa.

Ela usou blend Toscana. Se preferir, você pode utilizar o blend Provence. O resultado é de salivar.

Buon Appetito!

TomateRecehado

Ingredientes:
2 tomates médios;
Para recheio:
¼ de maço de espinafre;
200 g de ricota fresca;
uma colher de café de azeite;
1 colher de sopa de creme de leite, pode ser requeijão light;
100 g de cebola;
Tempero Toscana ou Provence a gosto;  (Já usei com os dois. Igualmente incríveis!)

Pique a cebola, o alho e o espinafre bem pequeninhos. Amasse a ricota com um garfo, misture o creme de leite ao tempero, cebola, azeite e espinafre.

Tira a tampa do tomate, sementes, miolo e recheie com a mistura. Polvilhe com uma colher de sobremesa de parmesão e leve ao forno por 10 minutos.

Dica:
“Como leva o tempero não uso sal… acho que nem precisa, mas para quem achar que deve, sal à gosto.” (Luciana).

Read More